F61
Carta de liberdade de uma escrava 27/04/1857

 

   Romualdo Augusto de Oliveira e sua mulher Leopoldina Augusta de Oliveira e Silva libertam sua escrava Paulina, de 25 anos, mais ou menos, que lhes foi doada pelo tio e padrinho Joaquim Ferreira de Guimar„es Toledo e outros. V. F58.